close

Segunda edição do programa da Supernova na Rádio FAAP com:

Graxa, “Pessoas” •
Kiko Dinucci, “No Escuro” •
Motormama, “Te Vejo na Cosmopista” •
Cidade Dormitório, “Love LoFi” •
Ana Muller, “Me Cura” •
Marcelle Equivocada, “Um Brinde a Nada a Nós” •
Aláfia, “SP não é Sopa”

Na sequência, roteiro e comentários na íntegra:

Supernova #2

Duas primeiras são Graxa e Kiko Dinucci, grandes mentes do nonsense. Graxa é pernambucano e lançou no fim de 2016 mais um álbum, chamado Canções de Protesto. Neste novo, o violão é o companheiro e as composições são mais minimalistas do que nos primeiros trabalhos, mas aquela maresia típica de Angelo Souza continua em alta, principalmente nas letras. De Canções de Protesto, vamos ouvir “Pessoas”.

Kiko Dinucci trouxe a verborragia para seu trabalho solo Cortes Curtos, lançado em fevereiro. Dinucci é parte de uma cena que eu gosto de chamar de Antropofágica e Novo Modernismo Brasileiro, da qual fazem parte, obviamente Metá Metá e Passo Torto, suas duas bandas, e artistas como Ava Rocha, Iara Rennó, Karina Buhr e tantos outros. As referências vão desde a cultura dos terreiros até a Vanguarda Paulista, dos irmãos Paulo e Arrigo Barnabé.

Kiko é guitarrista exemplar e gosta de tocar alto. Vamos ouvir a música de abertura de Cortes Curtos, “No Escuro”, que tem as vozes de Juçara Marçal, Ná Ozetti e Tulipa Ruiz .

Ambos de assinatura muito particular. Não deixe de ouvir os álbuns completos.

FAIXA 1 – Graxa – Pessoas || FAIXA 2 – Kiko Dinucci – No Escuro

Motormama é um longevo quinteto de rock caipira psicodélico resistência de Ribeirão Preto com 18 anos de história. Agora em janeiro, lançaram o quarto álbum de estúdio, chamado Fogos de Artifício. O lançamento é da Midsummer Madness, que lança o Motormama há muito tempo. Vamos ouvir “Te Vejo na Cosmopista”.

Lá do outro lado do país, vamos ouvir Cidade Dormitório, banda de Aracaju que lançou o primeiro EP no final de 2016. Escolhi a última faixa, chamada “Love LoFi”, que tem flauta transversal e uma ode aos apaixonados pelo som abafado. As outras três faixas do EP de estreia também merecem audição atenta, facinho de achar e de degustar.

FAIXA 3 – Motormama – Te Vejo na Cosmopista || FAIXA 4 – Cidade Dormitório – Love LoFi

Venusianas da vez: as duas novas vozes femininas de hoje são Ana Muller e Marcelle.

A Ana é capixaba e lançou em janeiro um EP de estreia. Lançado pelo selo Garimpo, o trabalho leva apenas seu nome, Ana, e tem pegada pop mas visita diversos estilos regionais. Vamos ouvir “Me Cura”.

Na sequência, Marcelle, sergipana que lançou seu segundo álbum em março. Com todas as composições autorais, Equivocada é uma co-produção com Dustan Gallas, do Cidadão Instigado. Escolhi a faixa “Um Brinde a Nada a Nós”, que tem um toque bem retrô na voz e no uso de melotron.

FAIXA 5 – Ana Muller – Me Cura || FAIXA 6 – Marcelle – Um Brinde a Nada a Nós

Pra fechar, tem som novo da big band Aláfia, que lançou em março o álbum São Paulo não é Sopa. O disco é tudo que Aláfia faz de melhor: juntar tudo que pode. Tem funk, groove, rap, afro, samba e o que mais tiver.

Tamos ouvir a faixa-título, que tem participação de Tássia Reis e Marcela Maita.

FAIXA 7 – Aláfia – SP não é Sopa

Créditos de gravação e direção: Mikael Roiha e Alziro Tonim.

Exibido em 4/4/2017.

Tags : Rádio FAAPSupernova Radio Show
Supernova

Escrito por Supernova

Deixe um comentário