close
Super Novas

Herod toca Kraftwerk no Sesc Pompeia

O post-rock instrumental da Herod, atualmente um quarteto, já embasou muitas trips para quem é vidrado em experimentalismo, sobrecarga de guitarras, efeitos, timbres e bateria cheia de volúpia. Entre a sutileza do shoegaze e a agitação do noise, a banda apresenta agora um catálogo diferente e recria organicamente sete faixas do Kraftwerk.

A Herod visita o repertório das fases entre Autobahn (1974) e The Man Machine (1978) e coloca sua identidade nas releituras de “Autobahn” (tocada na íntegra), “Antenna”, “Radioactivity”, “The Hall of Mirrors” e outras. A banda tirou as músicas e rearranjou os acordes, sintetizadores, teclas e bateria eletrônica para sua própria linguagem: parede de som e muita dissonância com guitarra, baixo e bateria. Para algumas músicas, eles inclusive fazem os vocais, algo atípico na história do grupo.

herod-1-credito-herod

(Foto: Herod/Reprodução)

Trabalhando na ideia há mais de um ano, refazer Kraftwerk desta maneira foi um exercício de criatividade para os músicos, que passaram muitas horas em estúdio ouvindo os originais e testando no feeling. Pioneira na arte de soar futurista, a banda alemã ainda inspira pela inovação sonora e é escola atemporal para bandas atuais – prova irrevogável do zeitgeist, que por si só, também inspira a Herod.

“Herod toca Kraftwerk” tem apresentação única na Comedoria do Sesc Pompeia no dia 13 de outubro (quinta-feira) e é uma produção do selo Sinewave. A banda já mostrou o repertório em outras ocasiões e se prepara para lançar um álbum com este catálogo, previsto para o início de 2017.

Para entender:

“Kometenmelodie 1” (Autobahn, 1974) | Versão “drone metal”, influências de Sunn O))) e Earth

“Kometenmelodie 2” (Autobahn, 1974) | Versão pesada e rápida, influências de Mogwai e kraut-rock nos solos

“Antenna” (Radioactivity, 1975) | Versão barulhenta, influências de noise rock

“Radioactivity” (Radioactivity, 1975) | Versão post-rock clássico, influências de Mogwai

“The Model” (The Man Machine, 1978) | Versão indie anos 90, influências de Sonic Youth, Pixies, Dinosaur Jr

“The Hall of Mirrors” (Trans-Europe Express, 1977) | Versão pesada e lenta, influências de Om, Mogwai, Godspeed You! Black Emperor

“Autobahn” (Autobahn, 1974) | Versão integral de 20 minutos, trechos com influências de noise-rock, Swans, Sigur Rós, Mogwai, Godspeed You! Black Emperor – e carrinhos!

herod-sesc_v2

(Arte: Pedro Gesualdi)

Serviço:

Herod toca Kraftwerk

13 de outubro

Sesc Pompeia – Comedoria | Rua Clélia, 93 | São Paulo (SP)

+55 11 3871.7700

www.facebook/sescpompeia

www.sesc.org.br

Às 21h30 (pontualmente)

Ingressos: de R$6 a R$20 | venda online pelo link e nas unidades do Sesc

Link do evento: join!

Siga Herod:

Bandcamp

Facebook

Instagram

 

Conheça a Sinewave:

Site oficial

Tags : HerodKraftwerkSesc PompeiaSinewaveSuper Novas
Supernova

Escrito por Supernova

Deixe um comentário