close
Super Novas

ORUÃ lança Tudo Posso – trio chega com novo EP antes de turnê na Europa com Built to Spill

1555445289706_image_2

Tudo Posso é o novo lançamento do conjunto ORUÃ, trio que saiu das proximidades da Praça Tiradentes, na cidade do Rio de Janeiro, para ser banda de abertura na nova turnê da emblemática Built to Spill, ouro do indie rock, atualmente celebrando os vinte anos do disco clássico Keep It Like a Secret.

Essa relação com o Built to Spill (vale dizer que dois terços do ORUÃ também tocam no BTS) veio para dar maior projeção internacional a um tipo de som que não é feito em outro lugar que não dentro do Escritório, uma sala comercial num prédio do centro, de onde já saíram inúmeras bandas e discos exemplares gravados com as peculiaridades de fitas cassetes e equipamentos analógicos. ORUÃ, formado nessa sala, resume tudo que circula entre aquelas paredes: vida e música como experimentação.

 

Mais sem-amarras que de costume, não existe fórmula neste novo EP. O trio vai pelo rock, pelo free jazz, às vezes nenhum dos dois, muitas vezes além dos dois. São recortes de um e do outro que se encaixam para moldar uma nova forma de compor e tocar ainda mais livre e espontânea que o primeiro disco, Sem Bênção / Sem Crença, de 2017. A assinatura noise está lá como sempre, mas as variações de temas, mudanças inesperadas, elementos novos na formação, como o sax – ora gritante em “Escola de Arte Moderna”, ora comedido como arpejos em “Prece Alafim” –  e os corais, mostram que são possibilidades infinitas quando a proposta é enfeitar as canções.

Tudo Posso já rendeu um clipe para a faixa “Cruz das Almas BA”, feito com cenas da recente turnê nos Estados Unidos, em março, quando o trio passou por Boise, Seattle, Tacoma, Portland e Walla Walla.

As quatro faixas novas do EP chegam como um breve prelúdio para o segundo disco, chamado Romã, já pronto e a ser lançado entre junho e julho. O trabalho sai em vinil 7” nos Estados Unidos, via IFB Records, e pela Transfusão Noise Records no Brasil.

Ainda este mês, o trio embarca para mais uma turnê, desta vez na Europa, fazendo 26 shows que passam por Berlim, Paris, Roma, Praga, Lisboa, Londres e outros.

ORUÃ é Lê Almeida (guitarra, cassetes e voz), João Luiz (baixo) e Phill Fernandes (bateria).

Ouça Tudo Posso: Bandcamp | Spotify

Tracklist:

  1. Prece Alafim
  2. Domador
  3. Cruz das Almas BA
  4. Escola de Arte Moderna

Ficha técnica:

Todas as músicas por ORUÃ

Participações: Alexander Zhemchuzhnikov e Pedro Pessoa (saxofones), Daniele Vallejo, Karin Santa Rosa e David Beat (corais) e Raoni Redni (guitarra)

Capa: Jorge Polo

Master: João Casaes

Siga ORUÃ: Instagram | Facebook | Spotify | Bandcamp

leia mais
Distúrbio FemininoSuper Novas

Paula Cavalciuk tem clipe indicado ao UK Music Video Awards 2018

Paula Cavalciuk – Morte e Vida Uterina 2

Um ano após ser lançado, videoclipe “Morte e Vida Uterina”, de Paula Cavalciuk, acaba de receber indicação como melhor animação no UK Music Video Awards 2018, prêmio londrino que chega à décima edição este ano. A música faz parte do álbum de estreia da compositora, Morte & Vida, lançado em 2016.

Assinado por Daniel Bruson, o clipe é uma animação em stop-motion feita com minúcia e muita identidade. A combinação foi proposital para dar o tom cantado por Paula, uma dolorosa canção sobre as glórias e desafios de se descobrir mulher. Bruson, diretor de animação já premiado no Brasil, deu vida e música a objetos inanimados, compondo as cenas que desenrolam o desabrochar feminino.

A sensibilidade das cenas e da letra mostra que este trabalho pode ser entendido além da língua portuguesa, como comprovam as outras indicações internacionais já dadas ao vídeo, como no Motion Awards by Motionographer, Quirino Awards, ANNY – Animation Nights New York, 29th New Orleans Film Festival, Bang Awards, além de figurar nas seleções oficiais de exibição nos festivais Anima Mundi, Lugar de Mulher É no Cinema, Mostra 3M de Arte Digital e outros.

No UK Music Video Awards 2018, Paula concorre ao lado de U2, Father John Misty, Aphex Twin, Sigrid e Toto Bono Lokua. Os vencedores serão revelados na festa de premiação em Londres, no dia 25 de outubro.

Indicações e festivais:

Anima Mundi 2018 (Brasil)

Motion Awards by Motionographer 2018 (EUA)

Quirino Awards (Portugal)

ANNY – Animation Nights New York 2018 (EUA)

Flux Screening Series 2018 (EUA)

Lugar de Mulher É no Cinema 2018 (Brasil)

Bang Awards 2018 (Portugal)

Mostra 3M de Arte Digital 2017 (Brasil)

18º Goiânia Mostra de Curtas 2018 (Brasil)

29th New Orleans Film Festival 2018 (Estados Unidos)

Music Video Festival 2018 (Brasil)

UK Music Video Awards 2018 (Inglaterra)

 

Ficha técnica:

Letra e música: Paula Cavalciuk

Direção, animação, roteiro e montagem: Daniel Bruson

Argumento: Paula Cavalciuk e Daniel Bruson

Assistência de produção: Rafael Bruson Moretti

Produção executiva: Samantha Alves Silveira

Apoio institucional da Prefeitura Municipal de Sorocaba – Secretaria de Cultura, Lei nº 11.066/2015

 

Ouça Morte & Vida: Spotify | YouTube | Deezer | Apple Music

Siga Paula Cavalciuk: Instagram | Facebook

leia mais
1 2 3 19
Page 1 of 19